Típicos blogs

(publicado anteriormente no Ressaca Moral em 28/02/2007. Em alguns dias, a segunda parte estará por aqui e lá no Ressaca)

Eu, blogólatra
O primeiro post é uma justificativa que mal disfarça a auto-importância que o blogueiro acha possuir como uma estrela das relações sociais, geralmente começa com “ok, ok, após insistência dos amigos e muito relutar, decidi fazer esse negócio de blog, ainda não sei mexer direito nisso aqui, mas com o tempo eu aprendo, eheheheheh”. Achando que seu blog será um sucesso, o blogólatra decepciona-se ao perceber depois que é só mais um perdido no meio de uma multidão de outros sítios não muito diferentes do seu.

Não posto, mas justifico

O não posto geralmente é um blogueiro que começou bem intencionado. Na primeira semana produziu mais de um post por dia, forneceu links de sites que costuma visitar, colocou vídeo da banda favorita, falou sobre suas expectativas profissionais e ainda discorreu sobre o aquecimento global. Depois largou de mão e aparece menos de uma vez por mês sempre se justificando: “eu sei que isso aqui anda meio largado, mas to sem tempo, muitas coisas boas acontecendo, depois conto pra vocês, enquanto isso fiquem com o clipe novo do The Furnitures”. Novo mês, nova justificativa, aqui ele já se acha tão importante quanto o blogólatra: “desculpem pela ausência, daqui a pouco vou levar uma bronca dos amigos, eheheheh, mas to sem tempo, muitas coisas boas acontecendo, depois conto pra vocês”.

Youtube, te amo
Praga mais recente da blogosfera mundial, os vídeos de sites como o You Tube são excelentes para ilustrar textos, mas muitos blogs preferem abrir mão totalmente de qualquer conteúdo escrito para unicamente largar vídeos na tela dos outros. Alguns blogs sofisticaram a técnica ao extremo, inserindo uma assinatura do próprio blog nos vídeos de terceiros que encontram por aí, como se fosse um conteúdo próprio ou “levado até você pelo Esfiha Maluca”.

Pelo amor de Deus, seja bem-vindo
Semanalmente você recebe o spanzinho camarada daquele seu amigo pouco conhecido do Orkut. Ele tem um blog e, toda vez que escreve um texto novo, envia e-mail para toda a lista de amigos contando e pedindo visitas. Muitas vezes não basta visitar, ele também pede comentários, sugere que você o coloque na lista de favoritos do seu próprio blog e comenta trivialidades sobre o que escreveu com todos os conhecidos, como se todo mundo lesse o blog todos os dias. Cansado de guerra, o pelo amor de Deus, seja bem-vindo acaba desistindo da carreira blogueira e encerra seu site com um post de despedida justificando não ter mais tempo para o blog, mas revelando um certo rancor por não ter sido acolhido como um sucesso da internet mundial.

Anúncios

0 Responses to “Típicos blogs”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: