Gol contra e outras coisas que torram

A Gol colocou no ar uma nova campanha comemorando os seis anos de atividades da empresa. Usou o manjadíssimo expediente de encher o comercial de crianças para arrancar simpatia do consumidor na marra. Mas o que incomoda não chegar a ser exatamente isso e sim a deslavada cara-de-pau da empresa em fazer certas afirmações, como a de que foi responsável pela “inclusão aérea” de sei lá quantos milhões de consumidores. É, há seis anos acho que todo mundo lembra da chegada da empresa jogando os preços lá pra baixo, mas, quando foi isso mesmo? 2001, 2002? É preciso muita coragem pra soltar uma frase dessas em tempos de descarado compadrio na política de preços, sem falar nos fortes indícios de lobbyes pra lá de obscuros que as duas maiores companhias exerceram nos últimos tempos sobre a ANAC, a agência do governo que deveria fiscalizá-las.

Esse tipo de campanha só poderia chegar ao consumidor acompanhada de uma mudança na postura da empresa, na sua cultura corporativa, no trato com o cliente. Proferir um monte de obviedades da cartilha “nós somos muito legais, você é muito importante pra nós” quando o seu cliente ainda está arriscado a passar horas em um saguão – desinformado e por culpa sua, é chamar o consumidor de idiota, dar um tiro no pé ou – a minha opção – gastar dinheiro à toa com uma campanha inócua que, em breve, estará no grande cemitério da propaganda equivocada.

Alguém ainda agüenta alguma piada, referência ou comentário a respeito daquele filme nacional? E esses toques de celular medonhos reproduzindo o funk que toca no começo do filme? Domingo, o Merchânico na TV conseguiu a proeza de exibir três, eu disse três quadros com temática baseada no tal filme. Haja saco e falta de criatividade.

Aliás, o Pânico é um caso curioso de programa de TV que adaptou o formato de blog ruim para a velha mídia: comenta qualquer assunto hypado, de maneira engraçada/relevante ou não, mas comenta. Pelo meio metem um monte de propaganda ruim e mal posicionada, não importa quem seja o anunciante, é pagar que entra.

É fase, de vez em quando a qualidade do programa cai. Logo eles se ajeitam de novo e fica bacana de assistir. Infelizmente, isso não acontece com os blogs.

Anúncios

2 Responses to “Gol contra e outras coisas que torram”


  1. 1 Rachel Juraski novembro 14, 2007 às 7:09 pm

    Cara, eu tinha certeza que vc iria comentar a propaganda da Gol!

    Mas foi realmente foda de assistir. Apelação descabida e descaradíssima. Criancinhas vestidas de adulto e brincando de trabalhar na Gol. No melhor estilo “nos orgulhamos de fazer parte dela”.
    Eca.

  2. 2 natavolaredonda novembro 15, 2007 às 2:41 pm

    É foda mesmo. Essa propaganda foi o fim da picada.
    Acho que não vôo mais pela gol…hehehe


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: