Desculpas modernas para o envio de links

Todos sabemos que é humanamente impossível ler, ouvir ou ver tudo que o ócio corporativo consome na internet e chega até nós em formato de link.

Nessas, empolgado com aquele vídeo que fez você passar vergonha no escritório de tanto rir, você o enviou para o seu amigo espertão (muito mais desocupado do que qualquer outro) e recebeu uma típica resposta sabichona-arrogante do tipo “ah, isso é velho” ou “já vi”.

Essa relativamente nova situação social anda exigindo o emprego de frases de justificativa prévia, utilizadas como escudo anti-sensação de “pô, tô por fora mesmo”.

É só escolher de acordo com a sua intenção/estado de espírito:

– Não sei se você já viu, mas segue aí [link]
(estou na dúvida se você já viu, acho que provavelmente não, mas com essa frase já desarmo você de uma resposta torta que poderia cristalizar na sua cabeça a idéia de que eu sou um analfabeto digital)

– Gente, só eu ainda não tinha visto o jeremias / menina pastora / tapa na pantera / vanucci bêbado / caralho a quatro? [link]
(eu sou descolado e bem informado, vocês sabem, mas dessa vez confesso que perdi o bonde, gente! Hahaha!)

– Deve ser velho, mas tá valendo [link]
(caso seja realmente algo manjado, não to a fim de ouvir o que você tem a dizer e nem de me explicar a respeito de porque só vi isso agora)

– Já viu, né? [link]
(eu assumo a derrota, você já viu, eu sei, nem me animo mais a enviar alguma coisa, snif)

– Eu sei que deve ser velho, mas ó aí [link]
(desculpa incomodar com a minha falta de informação, mas de repente você ainda não viu e sabe…já viu? Ah, tudo bem então)

– Foda-se se alguém já tiver visto [link]
(cansei de mandar coisas e sempre ser rechaçado, experimenta falar que é velho pra você ver! Vai, experimenta!)

– Você com certeza já viu, mas eu ri tanto, sabe? [link]
(antes de responder de um jeito estúpido que sempre me deixa pra baixo, já deixo no ar que possuo a certeza de você ter visto e que também estou no clubinho dos que gostaram, ok?)

– Por que eu sempre sou o último a ver essas coisas? [link]
(que divertido, consigo passar o link e ao mesmo tempo dou a impressão que estou tirando um sarro de mim mesmo, pois sou conhecido por nunca saber de nada, hahaha!)

– O que vocês acharam do [link]?
(a maioria já deve ter visto, mas como alguns ainda devem estar por fora, dessa maneira consigo três coisas: passar o link, dar uma de descolado com os que ainda não viram e elevo a moral do grupo, pois dou a impressão de que considero todos muito bem informados e antenados com o que rola na web, já que subentendi que todos sabem do que estou falando e estou até pedindo opinião)

Comecei a escrever essa droga pra cá, mas achei que ficou dentro dos padrões Ressaca Moral de inutilidade. Então tá lá também, mas com o clique de Messias Jardan.

Anúncios

2 Responses to “Desculpas modernas para o envio de links”


  1. 1 Pedrox maio 16, 2008 às 3:07 pm

    Pior que isso só os e-mails de colegas de repartição com powerpoints motivacionais. Sempre tem aquele cara que manda 6 por dia. Você fica feliz com vários e-mails até ver que é daquela anta que trabalha na sala ao lado.


  1. 1 Vai buscar o jornal | Placa na Cueca Trackback em setembro 26, 2008 às 4:11 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: