Tipinho doido

Eles adoram dizer “só tenho amigo maluco” ou se considerar os próprios “doidos”, mas enquanto um deles não invadir a Polônia e provocar uma guerra planetária ou compor uma sinfonia de número 9 em ré menor mudando a história da música ocidental, não é possível acreditar em qualquer maluquice lúcida de esquina.

A história de autoproclamar-se “maluco” é uma compensação psicológica involuntária que objetiva disfarçar para o próprio sujeito o quanto sua vida é comum.

Também é uma forma do indivíduo se sentir mais próximo de uma sonhada “vida de artista”, aquele mundinho em que o pseudomaluco acredita não existir beijo de cumprimento no rosto – somente o “dá um selinho, vai” e imagina todas as conversas de bar girando entre sexo, cinema, música e literatura (mas com muito cuidado, porque quase ninguém mais lê porra nenhuma hoje em dia).

A verdadeira maluquice não precisa de calça xadrez para acontecer. E sim, um banho é bem-vindo.

Anúncios

5 Responses to “Tipinho doido”


  1. 1 Diego Viana junho 9, 2008 às 2:39 pm

    Doda, vim avisar que o Para Ler Sem Olhar mudou de endereço. O novo é esse aí em cima, junto com o nome. Passe quando puder. Abraço!

  2. 3 Natalia Brabo junho 9, 2008 às 8:14 pm

    Pois é, amore mio, eu sempre pensei nisso. E agora, nessa minha vidinha ordinária, estou tendo a comprovação lógica que é preciso ser muito normal para saber o que é ser, de fato, doido.

    Beijo.

  3. 4 Randy Rodrigues junho 9, 2008 às 10:39 pm

    Pior que um “Tipinho doido” é o “figura”.

  4. 5 Tylon junho 10, 2008 às 2:19 pm

    Égua doido, muito doido esse texto.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: