Quase igual

E em 1985 éramos pouco mais caipiras. A análise “da moda do Rock In Rio” by Jornal Hoje é impagável.

(ouvir na matéria o trecho sobre os “20 e tantos anos de carreira de Erasmo Carlos” me lembra que eu já sou uma versão atualizada daqueles fãs ali da multidão, pois uma reportagem qualquer hoje poderia falar sobre os “20 e tantos anos de carreira dos Titãs” e lá estaria eu no meio do povo, com os sovacos à mostra, testemunha viva do auge e lento declínio dos caras).

Respeitando as particularidades de cada época, o mesmo jornal, mais de 20 anos depois, continua igualzinho.

Aliás, os jovens também continuam os mesmos, ou seja, antas, como em qualquer época.

Aos 2:23 do vídeo: “É rock pesado, minha filha!…É o rock do futuro, é o rock da geração jovem!”. Gênios.

Anúncios

1 Response to “Quase igual”


  1. 1 Lucas julho 4, 2008 às 5:44 am

    Nao consegui ver o vídeo dos emos. É muita VA num vídeo só.

    E morri com o “Correio (não será publicado)”

    Q?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: