Sempre um sucesso

Não confio em ninguém que maximiza, otimiza ou tangibiliza qualquer coisa.

Também não gosto de quem alavanca, dá feedback, start ou deixa em stand by.

Outra chatice é o cara explicar algo morto de bobo e arrematar com aquele final pretensamente desafiador e instigante. “Quando pensa em oficina mecânica você imagina um monte de homens sujos de graxa? Então está na hora de rever seus conceitos porque as mulheres também estão invadindo esse ambiente de trabalho, você duvida? Então conheça esta incrível oficina no interior de…”

Meu bode fica sem comer latas uma semana quando ouve como são as coisas “lá na gringa”.

E o universo mata um coelhinho fofinho cada vez que uma paulistana fala que “vai de baladinha”.

Anúncios

9 Responses to “Sempre um sucesso”


  1. 1 Karla Nazareth novembro 6, 2008 às 9:01 pm

    Se começar a citar o que me embrulha o estômago no espírito do post, não termino hoje. O mais recorrente é o “Genial”. PQP: se fulano der o fiofó e subir pro YouTube, “é genial”. Se ciclano peidar em praça pública e twittar o ocorrido, “é genial”. Cadê o povo pra achar tudo uma bosta?

  2. 2 Pedro novembro 6, 2008 às 10:57 pm

    Eu tô aqui, eu acho tudo uma bosta! _o/

  3. 3 Doda novembro 7, 2008 às 12:57 am

    ei, eu também acho tudo uma bosta, seja justa conosco, Karla!

  4. 4 Paulo Guedes novembro 7, 2008 às 6:55 am

    A Tá, prima da Ju, que namora o Fá (aquele que mora na Vila Madá), shareou um post cheio de comments do pessoal da comu da facu. Favoritei na hora!

    (não resisti.)

    Doda: gostoso.

  5. 5 Cleu novembro 7, 2008 às 9:36 am

    A desinformada: o que é “lá na gringa”?

    Doda: “no estrangeiro”, Cleu :-)

  6. 6 Cleu novembro 7, 2008 às 4:29 pm

    Ah, “no estrangeiro”; não conhecia. Tô ficando velha. Graças a deus.

  7. 7 waleiska novembro 13, 2008 às 12:38 am

    Só me responde uma coisa: como consegues trabalhar em agência de publicidade onde todo mundo dá feedback e start nas coisas? E onde 90% das meninas vão numa baladinha?

    A menos que eu esteja totalmente enganada, teu universo é totalmente submerso nesse vocabulário…

    Te amo por seres beeeeeeeeem diferente disso.

    Menos o brazuca, é claro, heheheheh

    Doda: er…eu não posso me pronunciar em detalhes a respeito do teu comentário, mas agradeço o amor e saiba que ele é recíproco :-)

  8. 8 waleiska novembro 13, 2008 às 12:41 am

    Ah, não conheço a Karla, mas, nêga, te digo que também sou das que acha tudo uma bosta!!!

    Mala de carteirinha, apesar de rir das bostas. Afinal, se eu chorar, a merda é capaz de feder ainda mais.

  9. 9 Irmã novembro 15, 2008 às 12:01 am

    Ó, eu não aguento mais ouvir a palavra “alinhar”. Tudo precisa ser alinhado com a diretoria. Custa dizer: “vou aprovar isso com o meu diretor e depois te dou uma resposta”? Eu hein…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: