Bodas e berços

Opa, só pra marcar a data: hoje esta versão do blog faz 3 anos, que bonitinho.

Antes, como poetas de rua que desperdiçam oxigênio que seria mais útil em outros pulmões, duas encarnações do bloda já haviam ocupado precioso espaço na internet.

O primeiro bloda surgiu mais ou menos no final de 2003 (isso explica porque o nome do blog é esse trocadilho ridículo, pois hoje em dia eu não teria essa coragem). O formato lembrava o de uma revista eletrônica e o site era hospedado no tenebroso Kit.net, uma espécie de hotel de rodoviária da internet daqueles tempos. Meus textos eram vergonhosos. O legal dessa época foram as colaborações, muito melhores que qualquer uma das minhas porcarias. Não lembro de todos os que deram uma força naquele tempo, mas teve coisa do Vlad, Rafa, (acho que) do Paulo, Bina e Pedrox.

Lá por outubro ou novembro de 2004 montei um bloda no Blogger Brasil, mas era outro lugar que você não desejaria visitar nem que fosse obrigado a observar uma turma de senhoras com mais de 60 anos peladas após a hidroginástica. Ficou ativo apenas alguns meses e quando o Ressaca Moral ganhou vida, em março de 2005, aquele bloda morreu.

E finalmente, em dezembro do mesmo ano, surgiu essa versão que pacientemente você está lendo.

Nesses 5 anos de atividade espaçada e 3 anos de postagens seguidas, consegui boas oportunidades profissionais, fiz um grande número de amigos e colecionei algumas antipatias, mas ninguém que eu possa chamar de inimigo. O saldo geral, ainda bem, é bastante positivo.

Então seja você um visitante diário, semanal, semestral ou de primeiro acesso, muito obrigado por encaixar esse endereço nos cafundós da sua atenção. A graça toda, claro, é saber que tem gente aí do outro lado acompanhando essa bodega.

E lembre-se, para qualquer conversa, furada ou não, estão sempre disponíveis a caixa de comentários de cada post e o meu e-mail pessoal (estrategicamente posicionado ali no canto superior direito).

Use o blog da maneira que preferir e, mais uma vez, obrigado pela companhia.

(o DJ começa a tocar Strangers In The Night, os garçons servem cidra Cereser e uma senhora gorda sobe no palco para anuciar que o jantar está servido: filé ao molho madeira, creme de camarão e estrogonofe de frango)

Anúncios

10 Responses to “Bodas e berços”


  1. 1 Emanuel dezembro 13, 2008 às 1:05 pm

    Não acompanhei desde a primeira encarnação ‘kit-netiana’, mas estou sempre lendo aqui.
    Só resta dizer: Parabéns pelos textos e vê se quando chegar aqui, pras festas de fim de ano, dá uma ligada pra gente tomar umas…

    Doda: ah, rapaz, entrarei em contato sim pra conferir a tua banda e, se estiver no repertório, ouvirei com prazer algum grande hit farofeiro :-)

  2. 2 Emanuel dezembro 13, 2008 às 1:06 pm

    Ah! E já to bolando o que ‘bostar’ no Best Of – 2008.
    Depois escrevo…

  3. 3 Helio dezembro 13, 2008 às 2:37 pm

    Acompanho teu blog desde os primórdios, desde quando ainda era uma revista eletrônica (lembro inclusive de uma vez que eu tava bêbado no Café com Arte e pedi pra escrever nele).
    Os poucos comentários são culpa do RSS, pode brigar com ele. Sabe como é, né? Dá uma preguiiiça vir aqui.
    De qualquer forma, parabéns por manter seu diarinho virtual por tanto tempo.

    Abraços

    P.S.: Sabia que o Google não faz diferença em relação ao ponto “.” dentro de um e-mail? Posso mandar um e-mail pra dodadoda@gmail.com, d.o.d.a.d.o.d.a@gmail.com que vai pro mesmo lugar.

    Doda: hahahahahaha! caramba, esqueci dessa no café com arte, mas lembra dos adesivos do site colados no banheiro?

    obrigado por sempre estar por aqui, rapaz. no dia em que saírem camisetas do blog de brinde com certeza uma será tua :-)

    PS: não fazia a mínima idéia desse papo do ponto, fiquei até triste agora.

  4. 4 Alamir dezembro 13, 2008 às 10:30 pm

    é uma higiene mental ler esses “causos” que são contados de maneira descompromissada aqui. parabéns por mais um ano de bloda. voltarei mais vezes.

  5. 5 Cléu dezembro 15, 2008 às 10:33 am

    No Bloda ou no Ressaca, ler você é muito bom. Pensando bem, agora que reparei que esse foi o primeiro blog que passei a acompanhar. Pois, é mesmo… nunca tinha notado que foi por tua causa que comecei a ler blogs. Brigada :-)

    Beijo e parabéns. E fiquei curiosa pra saber qual é a sobremesa.

    Doda: é sempre bom saber que os leitores mais antigos ainda andam por aqui, você tem lugar especial na primeira fila :-)

    É pudim de leite.

  6. 6 Mari dezembro 15, 2008 às 2:16 pm

    Eu acompanho desde o ex-bloda. Não peguei a época do .kit.net, mas acompanho desde antes de namorar com o Randy, o que é um ponto positivo. Ou seja, não é só pra fazer o social e entrar na fila do brinde.
    Parabéns pelos textos e pela paciência =)
    Beijo!

    Doda: nossa, eu é que agradeço a tua paciência, imagina ler isso aqui nos “momentos diarinho”? :-)

    Beijo também!

  7. 7 Karla Nazareth dezembro 15, 2008 às 3:14 pm

    Que bom que minha fase ativa na internet não pegou essa ausência do Bloda. Nem consigo imaginar meus blogs sem tão boa má-companhia. Seria lamentável.

    Doda: pois é, a gente tá nessa estrada juntos tem o mó tempão, né? desde que me entendo como pretensioso na internet que os projetos karlo-nazarênicos já trilham um belo caminho :-)

  8. 8 Linamarina dezembro 16, 2008 às 9:32 am

    Leio sempre, nem sei nada sobre o autor, mas surpreendo-me com as escolhas das palavras, reflexões… Um humor que me atrai, uma pequena viajem. Obrigada. Um beijo.
    Aqui é um lugar que eu gosto de frequentar. Quem sabe um dia ao invés de Cidra vem a tequila!? Tá vendo você, inspira minha fé!!!

    Doda: poxa, aqui não rola tequila, me dá muita dor de cabeça, pode ser cerveja mesmo? não agride o bolso de ninguém e ainda é diurético.

    Ah, e muito obrigado pelas visitas, volte sempre :-)

  9. 9 Shirkit dezembro 16, 2008 às 5:18 pm

    Pô, eu tenho que dizer, achei este blog digitando “me chupa” no Google e descobri um que vale a pena de ler. Parabéns pelos 5 anos aí de estrada

    Doda: cara, e esse foi um dos comentários que eu mais gostei de receber nesse tempo todo de blog, ahahahaha, valeu!

  10. 10 Tylon dezembro 17, 2008 às 5:05 pm

    Poderia dizer que leio esse blog todos os dias, mas não consigo mentir para ti. Poderia também dizer que gosto muito de ti, mas, como já disse, mentira não é comigo. Na verdade, fiquei sabendo da existência do bloda ao procurar fotos nuas da Doda, aquela cantora do leste europeu bem gostosinha. Como no meio artístico costuma-se desejar merda e não boa sorte, quero que você se afunde no excremento que desovas nos momentos de intimidade do dia a dia.

    PS: Queres que eu vá te buscar no aeroporto?

    Doda: Ty, com a merda que me atiram eu construo os meus textos, obrigado. Não se preocupe com o aeroporto, vá para a festa que lá eu encontro vocês ;-)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: