Cor de creme

Sem dúvida o carro mais bacana já possuído pela minha família foi o Opala 78 da minha avó. Era daqueles 4 portas com banco da frente único, marcha ao lado do volante.

Aos domingos, na janela do passageiro ia a minha avó, no meio o meu avô e guiando estava o seu Sinval, motorista da família. No banco de trás, todos os netos possíveis para o tradicional sorvete na Tip-Top, aquela que ostentava o monumento ao sorvete desconhecido na sua esquina: uma casquinha em cimento, de uns três metros. No alto, a cor da bola de sorvete – também em cimento, bom frisar – variava de acordo com o humor dos pichadores.

Acomodada embaixo da portentosa bunda do seu Sinval, estava uma almofada de cor indefinida, mas que um dia acreditou ser azul calcinha. Entre os netos, o desafio era tentar roubar a descolorida almofada e torturar um outro neto, pressionando o estofado contra o rosto do rival. “Ahá, toma os peidos do seu Sinval!”.

foto-pobrewa
PobreWA tá comandando a quebrada.

E que belos pensamentos saem daqui.

Anúncios

2 Responses to “Cor de creme”


  1. 1 fran abril 23, 2009 às 8:36 pm

    fala sério que a fabrica de sorvete mais famosa da NZ chama-se TIP TOP. Acho que é um sinal, meu caro. É o fim dos tempos.

    Doda: ei, a Tip Top paraense fechou tem uns bons 15 anos, será que os caras foram pra NZ e montaram a parada aí? Fim dos tempos, mesmo.

  2. 2 Irmã maio 5, 2009 às 11:10 pm

    Não lembrava do sorvete de cimento. Poxa, ninguém tem uma foto desse sorvete não?
    13 anos atrás, eu trabalhava como contato comercial de um veículo de comunicação e fui lá vender espaços publicitários, já que a sorveteria estava em franca decadência num mercado já dominado pela holding Cairu:
    Eu: “boa tarde, eu queria falar com o proprietário?”
    Atendente: “Senhora, não vai ser possível, pois ele morreu”
    Agradeci, saí de fininho, msa não sem antes tomar um sorvete sabor “paz e amor”. Pouco tempo depois a sorveteria fechou….

    Doda: poxa, que melancólico. Se bobear a mamãe tem foto da gente ao lado do sorvetão, é só fuçar.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: