Um Ricardo

Investido pelo status máximo conferido ao público consumidor do qual fazia parte (Homens 25-35, classes AB, moradores de grandes cidades), fazia questão de demonstrar para a garota da vez toda a sua intimidade com o Garçon. A intenção era exibir poder à moça, deixando claro que frequentar aquele ambiente de caríssimo mau gosto era uma rotina.

Para descontrair a conversa e ao mesmo tempo dar um toque de consumidor-cidadão à imagem, ele adorava contar das vezes em que colocava as atendentes de telemarketing em seu devido lugar, caprichando na imitação dos gerúndios e glamourizando suas próprias falas, as mesmas que estavam prestes a demolir as bases do capitalismo contemporâneo.

Já para mostrar esperteza e seu lado descolado, puxava a carteirinha de meia-entrada falsa. Ria sozinho lendo o curso universitário impresso ali, um tal Administração de Conteúdo para Novas Mídias. Em tom de ótima piada, listava também o nome dos falsos cursos dos amigos. Arrematava dizendo não concordar com nada daquilo, mas que se todos faziam, ele mesmo não ia ficar de fora, “né”?

Na saída, ameaçou não pagar o estacionamento por notar um arranhão no Tucson, mas foi convencido por ela de que a marca podia estar ali antes. Logo à frente, no cruzamento, pensou que o adolescente malabarista poderia estar armado, resolveu então ajudar o garoto com duas moedas de 1.

warriors

Daqui.

Anúncios

3 Responses to “Um Ricardo”


  1. 1 fran maio 20, 2009 às 6:49 pm

    acho muito interessante a maneira como você escarafuncha a mediocridade. Eu aposto que ele pagou a conta toda também e depois falou pros amigos que é parte do jogo. A próxima, eles que rachem, ora pois.

    Doda: ele pagou e ainda fez piadinha sobre a máquina do cartão não ir até a mesa, “ah, eu vou ter que ir até lá??”.

  2. 2 Noula maio 20, 2009 às 8:40 pm

    O Chico Buarque podia pegar lições contigo sobre como realizar uma crítica bem-feita à sociedade.

  3. 3 Rodrigo Lupatini maio 27, 2009 às 12:13 pm

    Você conhece um cara que eu conheço!
    Minha nossa!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Fitas pessoais e umas opiniões definitivas incertas. Qualquer coisa, dá um alô no doda.doda@gmail.com

@dodavilhena

Encontre

Arquivão


%d blogueiros gostam disto: